População – Conceitos Básicos

População

O que entende por conceito população?

Em estatística, o conceito população significa (universo ou colectivo) indicando um conjunto de elementos com características comuns.

A demografia é a ciência que se dedica ao estudo da população. Por isso ao efinir o conceito população, na demografia prescindimos do adjectivo humano.

Conceito população em demografia

População é o conjunto de pessoas que habita numa área, território, ou país, e num determinado intervalo de tempo.

Densidade de população ou população relativa é a relação entre o número de habitantes e a superfície total (considerada). Exprime-se geralmente em hab/km2.

A fórmula é:

Dens = P/S

Onde:

P- População total

S- Superfície total/ área desse lugar

Actividade

1. Numa cidade com 10.000 habitantes e 2.000 Km2 de superfície. Qual é a densidade populacional?

Dados:

P=10.000 hab.

S=200 km²

Dens = P/S

Dens = 10.000 hab/200 km²

Dens = 5 hab/ km²

Áreas Anecúmenas ou Anecumênicas – são os vazios demográficos, geralmente ocasionados por obstáculos naturais. Por exemplo: regiões áridas (desertos do Sahara, Gobi, Kalahari, Atacama, Arábico e Australiano), com excepção dos oásis (ilhas de povoamento); regiões polares (a Antárctida, a Sibéria, partes do norte do Canadá e da Groelândia, mas são povoadas apenas por esquimós, lapões e cientistas sazonais); regiões montanhosas (algumas regiões da cordilheira dos Andes e da Cordilheira do Himalaia, condições atmosféricas adversas) e as regiões densamente florestadas (como em partes da Amazónia, florestas equatoriais do centro da África e da Indonésia, algumas regiões recobertas pela floresta de Coníferas na Rússia e no Canadá).

Subecúmena

A área de transição entre o mundo habitado (ecúmena) a zona da superfície terrestre não habitada permanentemente pelo Homem (antiecúmena).

Ecúmenas são as grandes concentrações humanas (regiões atractivas), sobretudo no hemisfério norte em volta do Oceano Atlântico (Europa e América do Norte) e na Ásia meridional e oriental (Ásia das Monções).

Recenseamento da população é o conjunto de operações que consistem em recolher, agrupar e publicar dados demográficos que dizem respeito a um determinado momento.

A importância do estudo da população

Em Moçambique foram realizados quatro (4) censos (Recenseamento Geral da População e Habitação) em 1980, 1997, 2007 e 2017.

Qual era o objectivo desse recenseamento? Era uma oportunidade para sabermos:

Quantos somos (número de habitantes). Como somos (idade, sexo, grau de parentesco, línguas faladas etc.). Onde vivemos (no campo, na vila, na cidade, província, distrito, aldeia, etc.). Como vivemos (tipo de casa, tipo de energia consumida, acesso à água, etc.). Quantos hospitais, escolas, lojas, etc.

Depois de rol dos dados necessário para o recenseamento, vamos falar da importância do estudo da população, tendo em conta os dados do recenseamento.

O estudo da população e das suas actividades económicas facilitam diversos organismos para a organização de vários dados estatísticos como FNUAP (Fundo das Nações Unidas para a População), UNICEF (Fundo das Nações Unidas para a Infância) e outros. Geralmente, quando se faz o estudo da população deve-se responder às seguintes questões:

Quantos somos? Onde vivemos?

O estudo da população fornece-nos dados numéricos sobre diversas áreas da vida económica e social, informações sobre as variáveis demográficas (natalidade, mortalidade, fecundidade, esperança de vida e migrações) e ainda indicadores socioeconómicos, com o número de pessoas com o acesso à educação, saúde, transportes, emprego, informação, água e electricidade.

Contribui, também para fazer projecção da população num dado intervalo de tempo, de modo a prever a construção de infra-estruturas públicas como hospitais, escolas, estradas, pontes, hotéis entre outras.

Depois de aprendida a lição, vamos avaliar o nível de aprendizagem da lição resolvendo os exercícios que se seguem. Bom trabalho!