Apontamentos Implicações da estrutura da pedra sobre a sua degradação

Implicações da estrutura da pedra sobre a sua degradação

Para além das diferenças relacionadas com o tipo de pedra usada num edifício, a degradação ambiental pode ser vista algumas vezes a actuar diferenciadamente nas superfícies da pedra, como resultado de irregularidades da estrutura desta – a forma como os diferentes componentes de uma pedra estão arranjados relativamente entre si.

Para além das diferenças relacionadas com o tipo de pedra usada num edifício, a degradação ambiental pode ser vista algumas vezes a actuar diferenciadamente nas superfícies da pedra, como resultado de irregularidades da estrutura desta – a forma como os diferentes componentes de uma pedra estão arranjados relativamente entre si.

A característica estrutural da pedra que melhor ilustra esta ideia é constituída pelos planos de sedimentação. Os planos de sedimentação estão especialmente bem constituídos e podem ser claramente vistos nos arenitos, mas também podem ser encontrados em alguns calcários.

Por exemplo, quando um bloco de pedra que contenham planos de sedimentação é colocado numa parede, os leitos podem ficar orientados em três possíveis posições: horizontalmente (assentamento normal,) verticalmente e paralelos às juntas verticais (assentamento de junta), ou verticalmente e paralelos à face da parede (assentamento de face).

Nos dois primeiros casos não é invulgar, olhando-se de perto para os edifícios, verem-se blocos de pedra que apresentam uma aparência “enrugada” consequente da degradação preferencial dos estratos mais fracos.

Recomendado para si:   Sujidades

No entanto, a degradação é frequentemente mais acentuada quando os blocos de pedra estão assentes de face.

Os pedreiros deveriam evitar sempre esta situação, mas mesmo assim é vulgarmente encontrada em consequência de falta de cuidado, ou de dificuldades no estabelecimento da presença ou da orientação dos planos de sedimentação.

Isto cria um problema porque os planos de ligação entre estratos de sedimentação comportam debilidades naturais que são prontamente exploradas pelos agentes da degradação.

A característica estrutural da pedra que melhor ilustra esta ideia é constituída pelos planos de sedimentação. Os planos de sedimentação estão especialmente bem constituídos e podem ser claramente vistos nos arenitos, mas também podem ser encontrados em alguns calcários.

Por exemplo, quando um bloco de pedra que contenham planos de sedimentação é colocado numa parede, os leitos podem ficar orientados em três possíveis posições: horizontalmente (assentamento normal,) verticalmente e paralelos às juntas verticais (assentamento de junta), ou verticalmente e paralelos à face da parede (assentamento de face).

Nos dois primeiros casos não é invulgar, olhando-se de perto para os edifícios, verem-se blocos de pedra que apresentam uma aparência “enrugada” consequente da degradação preferencial dos estratos mais fracos.

No entanto, a degradação é frequentemente mais acentuada quando os blocos de pedra estão assentes de face.

Recomendado para si:   Alcance Prático da Distinção Entre Direito Subjectivo e Interesse Legítimo

Os pedreiros deveriam evitar sempre esta situação, mas mesmo assim é vulgarmente encontrada em consequência de falta de cuidado, ou de dificuldades no estabelecimento da presença ou da orientação dos planos de sedimentação. Isto cria um problema porque os planos de ligação entre estratos de sedimentação comportam debilidades naturais que são prontamente exploradas pelos agentes da degradação.

O efeito que os planos de sedimentação podem produzir sobre as taxas e sobre os padrões de degradação está ilustrado na imagem por uma parede compreendendo blocos de um arenito muito estratificado. Os blocos foram claramente degradados a diferentes taxas, segundo a orientação dos seus planos de sedimentação.

Alguns dos blocos foram, por exemplo, assentes com os seus planos de sedimentação paralelos à face da parede (assentamento de face) e estes foram profundamente e rapidamente escavados pelo contínuo destacamento de camadas completas de pedra, consequente do crescimento de cristais de sais.

Baixar Documento