Apontamentos Ferro

Ferro

Antes de se limparem objectos de ferro, deve-se ponderar a sua condição original.

Um acabamento metálico brilhante, consequente de uma limpeza recente, pode afectar o valor das nossas antiguidades em ferro.

Devem-se proteger os objectos de ferro contra a humidade, as dedadas, sais e ácidos.

Sugere-se um nível de humidade relativa da ordem dos 40%. O ferro é o metal mais susceptível à corrosão.

Limpeza – Geralmente a corrosão ocorre lentamente. A menos que seja necessário remover-se a camada superficial de corrosão, é melhor que se deixe o artigo como está, para que mantenha o seu valor como antiguidade.

Uma limpeza excessiva já não pode ser posteriormente anulada. Devem-se remover as poeiras, as gorduras e a humidade da superfície. Aspira-se a peça para se retirar a sujidade.

Para se removerem óleos e gorduras, esfrega-se o artigo com acetona (com cuidado – seguir os procedimentos de segurança e ler as instruções).

Se a condição do acabamento for tão má que não possa ser mantida, pode-se usar uma lã de bronze fina ou uma lixa de esmeril muito fina. Para se remover a ferrugem deve-se usar um abrasivo mais brando que o próprio ferro.

A ferrugem ligeira é removida por esfrega do artigo com uma lã de bronze muito fina e diluente mineral. Não são recomendados abrasivos fortes no tratamento de objectos históricos em ferro.

Recomendado para si:   Causas dos danos (latão e bronze)

Depois de ter sido removida a camada exterior de ferrugem, o objecto deve ser protegido já que se vai seguir a formação de ferrugem nova.

Alguns especialistas recomendam que se evite o uso de removedores de ferrugem comerciais, já que estes podem provocar o aparecimento de perfurações e descamações na superfície metálica. Mas, se forem usados, devem-se seguir as instruções e remover todos os resíduos destes produtos.

Os pós para polimento e as escovas de arame rotativas deixam arranhões na superfície. Se um ambiente limpo e de baixa humidade não conseguir proporcionar a protecção suficiente que evite o enferrujamento, deve-se aquecer ligeiramente o artigo (por ex., ao sol) e aplicar-lhe cera microcristalina ou cera de abelhas.

O enceramento é um processo reversível. Deve-se evitar a parafina. A cera deve escorrer facilmente quando aplicada ao objecto aquecido sem que seja necessário fundir-se antecipadamente a cera. Respeitar as medidas de segurança.

Esfregar a cera em excesso logo que o artigo arrefeça. A cera microcristalina está à venda em lojas de artigos para conservação. Também pode ser aplicado silicone por aspersão ou por esfrega.

Deve-se evitar a aplicação deste sobre a madeira, já que o silicone pode interferir com o acabamento da madeira e não é fácil de ser removido.

Se as suas antiguidade em ferro incluírem carroças antigas ou maquinaria agrícola, etc., que eram tradicionalmente pintadas, podem ser empregues tintas inibidoras da ferrugem.

Recomendado para si:   Fundamentos da Ilicitude

Primeiro determinam-se a cor e o desenho originais, bem como se a pintura pode afectar o valor do peça como antiguidade. Se a peça pode ser protegida sem a adição de tinta, é melhor deixá-la como está.

Baixar Documento