Apontamentos Outras “adições” ao Digest  

Outras “adições” ao Digest  

Tem-se tornado evidente outra distorção ao número “5 %”. Num relatório, em concreto, era afirmado que o conteúdo em humidade não tinha descido abaixo dos 5 % depois da injecção, pelo que uma barreira hidrofugante tinha falhado. Nada disto é sugerido sequer no Digest, relativamente ao  desempenho de uma barreira química hidrofugante!

Na realidade, o Digest expõe as limitações das barreiras químicas hidrofugantes injectadas, e não é surpreendente encontrarem-se medições de conteúdos superiores aos 5 % um pouco acima da posição da injecção.  

Outra peça de ficção atribuida ao Digest é “O uso de um humidímetro de carbonato conforme recomendado pelo Digest 254”. Novamente, isto é frequentemente encontrado nos relatórios.

O Digest  não “recomenda” humidímetros de carbonato. No entanto, ele explica como estes podem ser usados para  a determinação do conteúdo em humidade total e do conteúdo em humidade higroscópica nos materiais,  ou seja, para uma análise completa da humidade. E em parte nenhuma ele sugere sequer que os  humidímetros de carbonato devem ser usados para a determinação apenas do conteúdo em humidade  total de um material, outra prática vulgarmente referida como sendo “recomendada” pelo Digest.  Novamente, o que o Digest explica claramente é como deve ser usado um humidímetro de carbonato para  se determinar a humidade total e a humidade higroscópica, sublinhando-se a importância da determinação  da diferença entre os conteúdos em humidade total e em humidade higroscópica (certamente uma coisa  que não pode ser feita, in situ, com um humidímetro de carbono!).  

Recomendado para si:   Sistema Capitalista

O que o Digest sublinha é a importância da adequada medição da humidade e da distribuição desta; o seu fundamento é mostrar a importância entre a humidade total e a humidade higroscópica,  porque esta diferença mostra realmente se pode existir alguma forma de entrada de água.

O que o Digest  não afirma de certeza, ou insinua sequer, é que qualquer coisa abaixo dos 5 % de conteúdo em humidade é perfeitamente aceitável, ou que uma parede deve ter mais do que 5 % de conteúdo em humidade para ter humidade ascendente, etc. nem recomenda o uso de humidímetros de carbonato, especialmente para a determinação da distribuição da humidade total em localizações pontuais. Mas descreve dois métodos para a determinação da distribuição da humidade, ou seja, o método pelo forno seco e a utlização de um humidímetro de carbonato.  

Se recebermos um relatório que contenha referências ao Digest 245, devemos verificar sempre a  autenticidade da referência/ citação – a maioria, na nossa experiência, era enganadora!

Baixar Documento