Apontamentos Inclinação dos Parâmetros

Inclinação dos Parâmetros

Deve-se apiloar o muro, respeitando-se a inclinação correcta para o tipo de pedra usada.

A inclinação dos paramentos é necessária para permitir as pequenas diferenças de assentamento que fazem com que as paredes com paramentos verticais desenvolvam balanços, especialmente quando complementadas pelo impulso da gravidade numa encosta.

Os muros feitos com pedras irregulares, fracamente assentes, necessitam de maiores inclinações do que os muros feitos com blocos mais regulares ou com lajes, especialmente se o número de atravessamentos for limitado.

Mas uma inclinação dos paramentos excessiva significa que o muro é desnecessariamente espesso na base ou que se torna demasiadamente delgado e fraco perto do cimo.

Para se conseguir uma adequada inclinação dos paramentos:

a. Assenta-se a primeira fiada a cerca de 62 mm (2,5”) de ambos os lados das arestas exteriores das pedras de fundação. Este assentamento recolhido é necessário para se proporcionar uma boa distribuição do peso e para se garantir que nenhuma pedra escorrega para fora da fundação quando a parede assentar.

b. Assenta-se cada fiada seguinte a uma distância constante mas menor, geralmente 12 a 25 mm (0,5” – 1”) ou a grossura do dedo indicador. Estima-se a inclinação dos paramentos com base no muro mais bem construído que se consiga encontrar nas redondezas, caso seja possível encontrar-se algum.

c. Mantém-se uma inclinação rectilínea, nem côncava nem convexa. Prevê-se que a inclinação vai ter que ser distribuída regularmente por todas as fiadas. Isto é mais fácil de conseguir construindo-se com o apoio de cordéis de alinhamento esticados entre mestras inclinadas. Devem-se evitar grandes reentrâncias que proporcionem degraus (para pessoas ou para animais).

Recomendado para si:   Aparência dos Dourados

d. Se estiverem a ser usados cordéis de alinhamento, elevam-se as fiadas para que as pedras fiquem a cerca de 6 mm (0,25”) para dentro dos cordéis. As pedras não devem empurrar os cordéis para fora das suas posições. Empurram-se para dentro todas as pedras que estejam demasiadamente projectadas, ou batem-se com um martelo, se já tiver sido assente mais uma fiada por cima delas. Deve-se garantir que não se deslocam nenhumas pedras quando se martelam outras para o alinhamento. Quando a pedra é irregular deve-se estar preparado para se permitir que não as conformidades ocasionais quebrem a regularidade da face do muro.

Baixar Documento