Ensino Oficial

A segunda categoria de escolas, compreendia as escolas primárias públicas oficiais para europeus, asiáticos e assimilados. A partir de 1952, passaram a seguir um programa de cinco classes, sendo a última obrigatória para admissão ao liceu, o qual compreendia o 1o ciclo (dois anos), o 2o ciclo (três anos) e o 3o (dois anos), de preparação do ingresso no ensino superior.

O ensino dos ‘não-indígenas que tinha lugar em escolas públicas e também em escolas privadas pretendia dar à criança os instrumentos fundamentais de todo o saber e as bases de uma cultura geral, preparando-a para a vida social.