Preparação para exames da UEM

Ingressar à Universidade Eduardo Mondlane é sonho e projecto de muitos estudantes finalistas do nível médio e técnico. A UEM é a primeira opção para a maior parte das pessoas que desejam obter um grau de licenciatura, o que faz com que não seja muito fácil conseguir uma vaga naquela instituição. O número de candidatos é sempre muito maior que o número de vagas oferecidas, o que faz com que anualmente milhares de moçambicanos disputem o ingresso à UEM através dos exames de admissão.

Preparando-se para o exame de admissão à UEM

Neste artigo, você vai aprender algumas técnicas para aprimorar o seu plano e ritmo de estudo para aumentar drasticamente as suas chances de estar preparado para merecer uma vaga na tão prestigiada Universidade Eduardo Mondlane.

1. Dê-se tempo suficiente para estudar

Não o deixe até o último minuto. Enquanto alguns alunos parecem ter sucesso com estudos de última hora, a maior parte dos estudantes concorda que esta não é a melhor maneira de encarar um exame. Defina um calendário para os seus estudos. Anote a quantidade de exames que você tem pela frente e os dias em que você irá realiza-los. Em seguida, organize os seus estudos de acordo com o esse calendário. Alguns exames podem exigir mais tempo de estudos que os outros, equilibre da forma que se sentir confortável.

2. Organize seu espaço de estudo

Certifique-se de que você tem espaço suficiente para espalhar seus livros e apontamentos. Há iluminação suficiente? Sua cadeira é confortável? Os seus jogos electrónicos, o celular e outras distracções estão fora de vista?

Tente e se livrar de todas as distracções, e certifique-se de que está confortável e capaz de concentrar-se o máximo possível. Para algumas pessoas, isso pode significar quase completo silêncio; Para outros, música de fundo ajuda. Alguns de nós precisamos de tudo completamente arrumado e organizado para que haja concentração, enquanto que outros prosperam em um ambiente mais confuso.

3. Use fluxogramas e diagramas

Apoios visuais podem ser realmente úteis na hora da revisão. No início de uma matéria, desafie-se a escrever tudo o que você já sabe sobre o assunto – e, em seguida, destaque onde existem lacunas, ou seja, onde você menos entende e estudo mais esses elementos. Esquematizar os seus conhecimentos através de fluxogramas irá ajuda-lo a lembrar mais facilmente na hora do exame.

Fluxograma - Passar nos Exames da Admissão à UEM.
Exemplo de fluxograma.

4. Resolva exames antigos

Uma das maneiras mais eficazes de preparação para exames é resolver exames dos anos anteriores. Isso o ajuda a acostumar-se com o formato das perguntas. Exercite com o máximo de exames que puder por cada disciplina.

5. Dê suas respostas a outras pessoas

Pais, irmãos, namorados e outras pessoas próximas tendem a ser irritantes no período dos exame! Use-os para sua vantagem. Pratique apresentado as suas respostas numa espécie de jogo de perguntas e respostas. Isso irá ajudá-lo a fixar os seus conhecimentos na mente, e a opinião deles poderá ajuda-lo a perceber onde você precisa melhorar.

6. Organize grupos de estudo com amigos

Junte-se a amigos em sessões de estudo frequentes. Você pode ter dúvidas que eles têm as respostas e vice-versa. Desde que você lembre-se de manter-se focado nos estudos nesse período de tempo, essa será uma bela forma de testar a si mesmo.

7. Faça pausas regulares

Talvez você pense que é melhor estudar o máximo de tempo possível, isso pode realmente ser contraproducente. Um atleta que quer participar de uma maratona não corre 24 horas por dia! Estudos têm demonstrado que para uma melhor retenção de conhecimento a longo prazo, fazer pausas regulares realmente ajuda.

As pessoas são diferentes, então desenvolve uma rotina de estudo que funciona para si. Se você estuda melhor pela manhã, comece cedo e faça uma pausa na hora do almoço. Ou se você é mais produtivo durante a noite, faça uma pausa maior antes.

Tente não se sentir culpado por estar a aproveitar o sol em vez de curvar-se sobre seus livros didácticos. Lembre-se que a vitamina D é importante para um cérebro saudável!

8. Tenha uma alimentação saudável para o cérebro

Fique longe de fast food! Você pode sentir que você merece um deleite, ou que você não tem tempo para cozinhar, mas o que você come pode realmente ter um impacto sobre os níveis de energia e foco. Mantenha seu corpo e cérebro bem alimentados. Está comprovado que consumir alimentos nutritivos como peixe, nozes, sementes, e iogurte ajudam na concentração e memória. O mesmo se aplica no dia do exame – faça uma boa refeição antes do teste. O açúcar pode parecer atraente, mas não vai ajudar quando seus níveis de energia falharem.

9. Planeie seu dia de exame

Certifique-se de deixar tudo pronto bem antes do exame – não deixe para o dia anterior para perceber de repente que falta alguma coisa, não sabe que você deve levar. Verifique todas as regras e requisitos, e planeie sua rota e tempo de viagem. Se possível, faça um teste de viagem.

Calcule quanto tempo levará para chegar lá – então adicione algum tempo extra. Você não vai querer ser aquele aluno que culpa o transporte por ter perdido o exame. Você também pode planear ir ao exame com amigos ou colegas de classe, desde que você sabe que eles são sérios e pontuais.

10. Beba muita água

Como dica final, lembre-se de que estar bem hidratado é essencial para o seu cérebro funcionar no seu melhor. Certifique-se de levar e beber muita água durante os estudos e no dia do exame.

Boa sorte!