Apontamentos Sistema de informação geográfica

Sistema de informação geográfica

Os Sistemas de Informação Geográfica (SIG) podem ser definidos como ferramentas computacionais de consulta, análise, edição de dados, de mapas e informações espaciais em geral. Este sistema trabalha com uma base de dados espaciais.

Nos mapas digitais, tem-se uma base de dados associada, podendo ser obtidas as coordenadas geográficas de cada ponto, sendo que os dados podem ser acessados directamente no mapa ou no banco de dados. (CASCALES et al., 2013).

Para DILL et al. (2001), o Sistema de Informação Geográfica (SIG) pode ser definido como uma ferramenta amplamente utilizada em actividades que necessitem de gestão espacial diversificada. Deste modo, segundo LONGLEY et al. (2013) considera que:

O SIG possui três partes fundamentais: interface de usuário, as ferramentas e o sistema de gerenciamento de dados. O usuário interage com o sistema a partir da interface gráfica, que dá acesso às ferramentas de SIG e define os recursos e funções que o software de SIG possui para o processamento dos dados geográficos e são organizados por programas de gerenciamento de dados.

Para organizar, analisar e modelar os dados espaciais é necessário um software, sendo este um dos componentes fundamentais de um SIG operacional. Este integra todas as ferramentas do SIG, como armazenar, processar e visualizar os dados.

Segundo SILVA (2003) “Os Sistemas de Informações Geográficas (SIG’s) são usualmente aceites como sendo uma tecnologia que possui a ferramenta necessária para realizar análises com dados espaciais e, portanto, oferece, ao ser implementada, alternativas para o entendimento da ocupação e utilização do meio físico, compondo o chamado universo da Geotecnologia, ao lado do Processamento Digital de Imagens (PDI) e da Geoestatística.”

Recomendado para si:   Símbolos Nacionais

Um Sistema de Informações Geográficas (SIG) pode ser definido como um sistema que visa à colecta, armazenamento, manipulação, análise e apresentação de informações sobre entes com localização espacial, ou seja, informações que possam ser georreferenciadas. É um complexo formado por uma base de dados, software, hardware e organização de dados (SINGH, 1995).

STERN et al (2005), afirma que a cartografia digital e os Sistemas de Informações Geográficas introduziram um avanço tecnológico na colecção e armazenamento de dados para inventários, monitoramento, análise e simulação ambientais.

Conforme ONO (2008), os mapas temáticos, em formato digital, passaram a ser armazenados num SIG como uma série de camadas  georreferenciadas, onde cada camada ou plano de informação contém os atributos de um fenómeno espacial.

Baixar Documento