Apontamentos Pavimentos vitorianos e eduadinos em mosaícos decorados geométricos

Pavimentos vitorianos e eduadinos em mosaícos decorados geométricos

Alguns dos melhores esquemas de mosaicos decorados geométricos podem ser encontrados nas igrejas Vitorianas, tais como aqui em St. John’s, Bath.

A partir da década de 1860, começaram a aparecer pavimentos geométricos em mosaicos cerâmicos decorados nos edifícios públicos, nas igrejas e nas mais dispendiosas moradias Vitorianas.

A sua ascensão na moda foi garantida pela sua aplicação em edifícios de prestígio, tais como o Victoria and Albert Museum e, por volta de 1890, eles tinham-se tornado uma característica essencial nas mais vulgares casas Vitorianas com terraço, desde Dover até Aberdeen.

Assim como acrescentavam prestígio e cor às entradas Vitorianas, eles também eram notavelmente práticos.

Apesar de ser improvável que o vulgar construtor Vitoriano prestasse muita atenção à durabilidade deste material, é um facto que a maioria dos pavimentos interiores em mosaicos decorados sobreviveu 100 anos ao desgaste pelo uso e pelos impactos exercidos pelas famílias.

Com um pouco de cuidado, é provável que eles se aguentem durante mais outros 100 anos.

Existem muito poucos outros revestimentos para pavimentos que ofereçam tal durabilidade, ao mesmo tempo têm tão boa aparência.

Apesar de estes pavimentos terem saído de moda durante as décadas de 1960 e 1970, quando muitos deles foram revestidos, estão agora a ser redescobertos pelos seus actuais proprietários e restaurados na sua antiga glória.

Recomendado para si:   Recuperação do material antigo

Mesmo que muitos deles necessitem que seja executada uma quantidade significativa de trabalho, geralmente cerca de nove em cada dez podem ser reparados.

Baixar Documento