Geografia na época Grega

Época Grega

De acordo com o Caderno de Geografia (1988), os gregos foram os primeiros a sistematizar os conhecimentos geográficos. Foram eles que criaram a palavra geografia (geo – terra; graphein – descrever). Os outros povos como os egípcios e os caldeus primitivos, só forneceram informações sobre regiões contíguas aos seus países, mas os gregos esforçaram-se por levar as suas investigações tão longe quanto possível. Os sábios que mais se distinguiram nesta época foram os seguintes:

Anaximandro de Mileto (611 – 597 a.C.) este, elaborou um mapa (talvez o primeiro) de todo mundo conhecido da Europa.

Hecateu de Mileto (560 – 480 a.C.), aperfeiçoou o mapa de Anaximandro. Considerava a terra como um disco a volta do qual corriam as águas dos oceanos.

Heródoto (484 – 425 a.C.), é considerado o pai da história, mas também é importante para a geografia uma vez que a sua História contém muitas informações geográficas. Foi talvez o primeiro a descobrir relações deterministas entre o meio e o Homem.

Aristóteles. Era um filósofo que deu um grande contributo à geografia – provou a esfericidade da terra através dos eclipses da lua, uma vez que a sombra da terra sobre a lua tinha uma forma redonda (a ideia da esfericidade da terra surgiu no século IV a.C. não foi consequência de observações astronómicas, mas sim de considerações filosóficas, pois, de todas as formas existentes, a esfera é a mais perfeita, logo sendo a terra obra-prima dos deuses, devia ser uma esfera). Esta prova só foi mais tarde confirmada através dos satélites foram professor de Alexandre da macedónia.

Eratóstenes (276 – 194 a.C.), considerado o primeiro geógrafo, dirigiu a biblioteca de Alexandria, esforçou-se por calcular a medida mais exacta possível do arco terrestre. Empreendeu assim a tarefa de medir a terra. Segundo a tradição, havia um poço em Siena (Assuão) cujo fundo só chegavam os raios solares no dia 21 de Junho (solstício de verão), o que significava que o sol incidia na vertical, logo, Siena estaria no trópico de câncer. Eratóstenes verificou que o mesmo dia do ano em Alexandria qualquer objecto tinha sombra, logo os raios solares não incidiam na vertical, mas sim com uma certa inclinação.

Bibliografia

Caderno de Geografia: História e Epistemologia da Geografia 12o ano, Edição Sebenta, 1988.