Apontamentos Prata

Prata

A prata não oxida ao ar. No entanto, reage com o dióxido de enxofre e com o sulfato de hidrogénio do ar, ou com outros compostos e sais de cloro, resultando no seu escurecimento.

O escurecimento é uma descoloração castanha provocada pela poluição do ar, pelo fumo dos cigarros, por certos alimentos, pelo fumo das chaminés, etc. A gema dos ovos, a mostarda, o sal de mesa, o vinagre, as azeitonas, o tempero das saladas, a transpiração, as ceras para soalhos, as borrachas e o enxofre contido nalguns detergentes sintéticos domésticos podem provocar o obscurecimento ou afectar a prata.

As tintas de membrana podem conter borracha, e as de caseína também obscurecem a prata.

Deve-se proporcionar um ambiente envolvente que evite ou retarde o obscurecimento. Protege-se a prata contra o enxofre embrulhando-a em tecido resistente sem ácidos ou em sacos de polietileno.

Deve-se ter cuidado na arrumação para se evitar a retenção de humidade e para se evitar que os sacos de polietileno entrem em contacto directo com a prata. Se forem usadas fitas contra o obscurecimento, não se pode permitir que estas toquem na prata e devem-se mudar regularmente, já que estas podem depositar o enxofre na prata.

A prata é um metal brando. Deve ser limpa com muito cuidado. Por muito suave que seja um produto abrasivo de limpeza, vai ser sempre removida alguma prata de cada vez que for limpa.

Recomendado para si:   Erro sobre os Pressupostos de Facto ou Elementos Normativos de uma Causa de Justificação

A própria esfrega com um pano macio sempre provoca algum desgaste.

Limpeza – Lavar com sabão (nunca detergente) e água. Se for necessária uma limpeza adicional, deve-se usar um produto o mais fraco possível.

A limpeza, a esfrega e o polimento removem o obscurecimento, mas devem ser feitos com precaução. Deve-se evitar limpar a prata com qualquer produto que contenha abrasivos. Pode ser usada uma pasta de giz precipitado e álcool desnaturado.

Depois da utilização de qualquer produto comercial de limpeza, enxaguar a prata com água e polir com um pano macio.

Os resíduos de alguns produtos de limpeza, se deixados ficar sobre a prata, podem acelerar o aparecimento de um novo obscurecimento. O sabão pode escurecer a prata. Os detergentes que contenham sulfatos podem deixar uma mancha se não forem removidos.

A electrólise química não deve ser usada sobre artigos de prata que tenham áreas oxidadas como parte da sua decoração, ou sobre prata chapeada (“casquinha”). O revestimento em prata pode ser retirado.

A electrólise também pode afectar alguns acabamentos e colas, e pode ter como consequência, nalgumas pratas, uma superfície irregular que irá necessitar de ser polida.

No entanto de este método ser simples, pode deixar a superfície escura. Antes de se utilizar a electrólise devem ser consideradas as vantagens e desvantagens deste método.

Na electrólise, a prata é posta em contacto com alumínio e é coberta com uma solução diluída de soda para lavagens e água (30 gramas de soda para 2 litros de água). Alguns especialistas sugerem que apenas conservadores experientes devam usar este método.

Recomendado para si:   Teoria dos Fins das Penas

De acordo com alguns especialistas, o banho de prata, embora de uso rápido, pode remover a oxidação decorativa.

Os artigos de prata com valor devem ser tratados com cuidado, e cuidadosamente guardados e acarinhados. Deve-se consultar um conservador ou um joalheiro conhecedor de prata, da limpeza da prata e dos procedimentos antes de se tentar limpas artigos de valor.

Baixar Documento